Para evitar quebra nos direitos autorais, peço para que se algum autor se sentir lesado com alguma postagem, entrar em contato e ela será removida. Agradeço. Facebook: https://www.facebook.com/pages/Amor-Umbandista/286824384781197?fref=ts

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Uso das Ervas Na Umbanda



As ervas contém grande energia vital. Na umbanda, são usadas diversas ervas em banhos, defumações, amacis e para outros fins podendo causar diferentes efeitos, atuando na aura da pessoa, atraindo vibrações, repelindo, limpando o perispírito, conectando com o Orixá, neutralizando vibrações confusas, energizando, etc., sendo que a Entidade Espiritual que deve receitar o uso correto para evitar que acabem tendo efeito indesejado. As plantas dos Orixás se dividem em 3 grupos primordiais:

POSITIVAS: São ervas que, quando usadas, só positivam, não podendo ser intrinsecamente usadas para outro tipo de trabalho.

NEUTRAS: São todas as ervas que servem para, material ou espiritualmente, neutralizar o efeito de outras ervas, o efeito de doenças, assim como o efeito de vibrações negativas e/ou positivas.

NEGATIVAS: São ervas usadas explicitamente para negativar. 

No preparo do banho não se deve ferver a água e se realmente é necessário a água quente, o certo é colocar as ervas por cima da água quente e abafá-las. Nunca ferver. As ervas devem estar frescas, a água de boa qualidade e em recipientes limpos. Exitem horários certos para serem preparados (geralmente entre as 6 da manha e as 6 da tarde, abrindo exceções em alguns casos), formas diferentes de tomá-los, como 1-Cruzando os braços (mão direita no ombro esquerdo e vice-versa), 2- do pescoço para baixo, 3- desde a cabeça, etc; e quantidade certa de ervas e folhas.

LINHA DE OXALÁ: Arruda, arnica, laranja-da-terra (folhas), hortelã, poejo, girassol, vassoura-branca, erva-de-oxalá, erva-cidreira, alecrim-do-campo, levante, alecrim miúdo, bambu (folhas), erva-quaresma.

LINHA DAS SENHORAS: Lágrimas-de-Nossa-Senhora (folhas), mastruço, rosa branca (folhas), pariparoba, orirí-de-Oxum, erva-de-Santa-Luzia, espada-de-Santa-Bárbara, trevo (folhas), quina roxa, vitória-régia, açucena, erva-de-Santa-Bárbara, malva-rosa, suma-roxa.

LINHA DE IBEJI: Amoreira (folhas), alfazema, salsaparrilha, manjericão, ipecacuanha, anil (folhas), capim-pé-de-galinha, arranha-gato.

LINHA DE XANGÔ: Limoeiro (folhas), erva-lírio, café (folhas), saião (folhas), erva-de-São-João, abre-caminho, quebra-mandinga, erva-de-Xangô, quebra-pedra, ruibarbo, etc.

LINHA DE OGUM: Comigo-ninguém-pode, espada-de-ogum, lança-de-Ogum, flecha-de-Ogum, cinco-folhas, jurupitã (folhas), jurubeba (folhas), etc.

LINHA DE OXÓSSI: Picão-do-mato, cipó-caboclo, barba-de-milho, mil-folhas, funcho, fava-de-quebranto, tamarindo (folhas), alecrim-do-mato, etc.

LINHA DAS ALMAS: Café (grão), guiné (erva-pipi), arruda (folhas), cambará, sete-folhas, aroeira (folhas), etc.

Um comentário: